sábado, 1 de agosto de 2009


Pintar para colorir o tempo,

distrair a vida,

ocultar o medo,

resolver acasos emocionais.

Para fazer da noite dia,

me virar do avesso,

entender a morte, coisas banais.

Pintar para dizer que amo,

que não sei

e que não posso também,

para me defender do mundo

e de todo mal,

Amém.

2 comentários:

adriano alves disse...

Sandra, além de pintar bem você escreve maravilhosamente. parabéns.

rezzi disse...

Pinta porque vive. Vive porque pinta. =)