segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Pra tudo existe um "porque".


Escrever é minha válvula de escape. É falar tudo sem dizer uma única palavra. É passar a melancolia ou até mesmo alguma felicidade pro papel. Sem sofrer não há o que escrever. É poder conversar e ser entendido. Imortalizar palavras, pessoas também. Idéias então...
Alguns "ensinam" a escrever bem, o que não é possível. Você já nasce com isso: sabe escrever ou não sabe. Até hoje eu não sei se sei. Entendeu? Fico me entregando ao meu vício maior: pensar demais. E, consequentemente, escrever esses pensamentos.

3 comentários:

khamafel disse...

Rê,
genial!

Escrever é o caminho para a lucidez.
É redesenhar o mundo.
É liberar-se da dor, solidão, paz, amor, desejo, alegria, angústia, ou qualquer outro sentir.
É traduzir-se.
É desinquietar-se.

San disse...

Renata (Clarice) Spolidoro

"Enquanto eu tiver perguntas e não houver resposta continuarei a escrever." (C.Lispector)

CONGRATULATIONS RENATA!!!

rezzi disse...

1º: khamafel devia participar do blog, hein.

2º: valeu, tia sandra sonhadora.